Publicações da nstech sobre tecnologia, logística e mobilidade para um futuro melhor

CATEGORIAS

VER TODOS OS POSTS

Cases de Sucesso

VER TODOS

Negócios e Cultura

VER TODOS

Segurança

VER TODOS

Sustentabilidade

VER TODOS

Tecnologia e Inovação

VER TODOS

Todos

VER TODOS

Transporte e Logística

VER TODOS

Logística para o Dia das Mães: 10 dicas para otimizar sua operação

TodosTransporte e Logística

Escrito por nstech

A expectativa do varejo brasileiro é alta para o Dia das Mães. A data está entre as mais importantes em volume de vendas, perdendo apenas para o Natal e a Black Friday. Em épocas como essa, de alta demanda comercial, toda a cadeia de suprimentos é impactada.

A logística tem papel fundamental para o sucesso das operações sazonais, principalmente na gestão dos estoques, armazéns e pátios, gerenciamento de riscos, agilidade nos embarques, transporte das cargas e eficiência nas entregas.

Em 2023, o Dia das Mães teve aumento de 25% no ticket médio em vendas online na comparação com o ano anterior. O viés para 2024 é de elevação. Já no primeiro trimestre do ano o crescimento foi de 6%, segundo o Índice de Antecedente de Vendas do Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IAV-IDV).

Seja para abastecer centros de distribuição ou lojas físicas, atender às demandas do e-commerce e oferecer a tão desejada e necessária visibilidade end to end a embarcadores, transportadores, operadores logísticos e consumidores, a melhor opção é investir em tecnologia.

Se a sua empresa está de olho nas vendas para o Dia das Mães e quer vencer todos os desafios logísticos, este artigo é para você. Confira!

Como o comportamento do consumidor influencia a logística

Datas comemorativas costumam ser movimentadas para as lojas físicas e virtuais. Os brasileiros aderiram às compras online e pesquisas mostram que o Dia das Mães é considerado uma data importante para mais de 70% dos brasileiros.

Maio, portanto, é uma excelente época para que o varejo faça bons negócios. Sempre que a economia é impulsionada por datas como essa, o setor logístico sente os reflexos do aumento na movimentação de mercadorias.

Os impactos têm diferentes causas e uma delas é o comportamento dos consumidores, ávidos por promoções, rapidez nas entregas e opções de frete grátis. Além do velho hábito de deixar as compras para a última hora, os clientes estão cada vez mais apressados para receber suas encomendas.

Valor de frete e tempo de entrega elevados estão entre os principais motivos de abandono dos carrinhos de compra em plataformas de e-commerce. Então, atender às expectativas dos clientes é mais do que um luxo, é um fator decisivo para quem pretende se destacar da concorrência e fidelizar os consumidores.

Impactos e desafios logísticos do Dia das Mães

O Dia das Mães costuma ser movimentado para os mais variados segmentos. De flores, chocolates, perfumes e itens de beleza a roupas, eletroeletrônicos e eletrodomésticos, vale tudo para agradar as mães.

Com uma variedade tão grande de produtos circulando pelo país, a infraestrutura logística precisa ser robusta e eficiente para abastecer os estoques e fazer com que os presentes cheguem ao destino sem atraso.

A data não é uma surpresa e está no calendário anual. O problema é que o aumento da demanda ainda pega despreparadas as empresas que não fazem o planejamento estratégico e se organizam com antecedência.

Os principais desafios da cadeia de suprimentos incluem a gestão dos estoques, otimização das rotas, gerenciamento dos riscos, necessidade de ampliação temporária da frota e contratação de mão de obra.

As dificuldades podem até ser as mesmas para todas as empresas da cadeia logística, mas os resultados são bem melhores para quem investe em tecnologia.

Superar os desafios logísticos do Dia das Mães passa por investimentos em tecnologia e softwares de gestão de armazéns, gestão de pátios, gestão de frotas, visibilidade operacional, automatização de processos, gestão de transportes e comunicação eficaz com os clientes.

10 dicas para otimizar a logística no Dia das Mães

Melhorar o fluxo operacional e fazer entregas rápidas, eficientes e seguras é necessário para atender às demandas do Dia das Mães. Conseguir isso requer medidas estratégicas que não podem ser tomadas apenas na véspera.

Confira um passo a passo para acertar todos os anos:

  1. Faça o planejamento com antecedência

O Dia das Mães ocorre todos os anos, por isso, use os dados de anos anteriores para nortear as decisões e estimar a estrutura necessária. Utilize as informações disponíveis para prever a demanda e se preparar.

Identifique os produtos mais vendidos e organize o estoque, evitando rupturas, atrasos na entrega e insatisfação dos clientes. Ajuste os prazos de entrega para garantir que os pedidos cheguem a tempo. Se necessário, crie planos de contingência para lidar com os imprevistos.

  1. Otimize os processos logísticos

Toda a cadeia logística deve estar preparada para datas como o Dia das Mães. É fundamental traçar estratégias e melhorar a visibilidade end to end. Por isso, depois de prever as demandas, prepare os estoques e programe as remessas.

Para que os processos logísticos sejam bem-sucedidos recorra a parcerias logísticas adequadas e invista em roteirização, monitoramento, rastreamento de cargas e gerenciamento de riscos.

Automatize ao máximo os processos, faça a gestão de devoluções e melhore a comunicação com os clientes sobre o status dos pedidos, prazos de entrega e eventuais atrasos.

  1. Monitore os estoques

Tenha um sistema de gestão de armazém (WMS) para gerenciar o estoque e otimizar a separação, a embalagem e o envio dos pedidos. Essa tecnologia automatiza tarefas, evita erros e retrabalho, reduz custos e melhora a eficiência logística.

Ao monitorar os estoques, as empresas evitam produtos em excesso ou falta de mercadorias. A recomendação é fazer revisões periódicas no estoque, classificar os produtos em categoria com base nas demandas para a data e configurar alertas automáticos para notificar níveis mínimos de estoque.

  1. Avalie a capacidade operacional

Em datas comerciais como o Dia das Mães é possível que as empresas tenham de ampliar a frota, buscar novos fornecedores, contratar mão de obra temporária para atividades de armazenagem, embalagem e entrega e negociar novos prazos com os parceiros logísticos.

Tudo isso ajuda a acelerar as entregas e atender às demandas dos consumidores. É ideal que a empresa tenha essa ampliação temporária prevista em seu planejamento.

  1. Crie formas de flexibilizar as entregas

O boom nas vendas requer estratégias de entrega diferenciadas, adequadas ao volume de mercadorias em circulação. Ofereça opções de entrega expressas para que os presentes do Dia das Mães cheguem a tempo.

Facilitar a retirada em loja física é outra opção mais em conta e com riscos reduzidos de falhas nas entregas. Lockers são boas alternativas para que os clientes retirem seus pedidos em horários flexíveis.

  1. Invista em ferramentas de transparência e comunicação

Os consumidores gostam de ser informados sobre o status dos pedidos, desde a confirmação da compra, aprovação do pagamento, expedição, chegada do produto aos centros de distribuição e saída da mercadoria ao destino.

O rastreamento online melhora a experiência de compra tanto quanto a criação de canais de comunicação eficientes para que os clientes tirem suas dúvidas ou façam reclamações.

  1. Capacite os profissionais em todos os elos da cadeia de suprimentos

Para a logística funcionar perfeitamente no Dia das Mães, todos os profissionais devem estar treinados sobre os procedimentos necessários para o sucesso da operação.

Além de oferecer capacitação, motive e incentive o time para obter resultados melhores em produtividade e qualidade do serviço. Algumas empresas criam, inclusive, sistemas de bonificação para quem se destaca.

  1. Utilize toda a tecnologia disponível para a gestão logística

Inteligência artificial, machine learning, softwares especializados em logística, telemetria, sensores, videomonitores, geolocalizadores, iscas para a carga, WMS, YMS, TMS, Torres de Controle etc.

Existem centenas de soluções para quem precisa fazer a previsão de demandas, otimizar rotas, identificar gargalos, melhorar processos, agilizar o transporte, aumentar a segurança das viagens, analisar dados de vendas e entregas, ter fluxos de embarque mais ágeis e tomar decisões assertivas.

Lembre-se: datas como o Dia das Mães também aumentam a demanda por logística reversa. Prepare-se para as devoluções.

  1. Acompanhe os resultados em tempo real

O sucesso da gestão logística passa pela análise de dados. Em épocas de forte apelo comercial é crucial acompanhar os indicadores de desempenho, mapear pontos fortes e fracos, identificar os problemas precocemente e fazer os ajustes necessários.

Não é preciso esperar o Dia das Mães de 2025 para corrigir o que deu errado. Com acesso à informação em tempo real, os gestores logísticos podem reverter cenários e “salvar” a operação em pouco tempo, gerando aprendizados para o ano seguinte.

  1. Tenha parceiros de confiança

A cadeia logística é complexa e cheia de elos. O sucesso nas operações voltadas ao Dia das Mães requer que todos esses elos sejam fortes e estejam alinhados. Ter parceiros especializados, experientes e de confiança se torna essencial.

Comece com uma logtech para auxiliar em demandas como automatização e integração de processos logísticos. Um parceiro nessa área é capaz de elevar a eficiência de sua operação e colocá-lo em total conexão com parceiros externos e fornecedores.

Um supply chain forte precisa ser colaborativo. Una esforços e compartilhe conhecimentos e ativos se você quiser otimizar o custo e melhorar a eficiência logística como um todo. Se a cadeia logística vai bem de ponta a ponta, todos saem ganhando.

Benefícios da tecnologia logística em eventos sazonais

Não é novidade que a tecnologia oferece inúmeros benefícios à cadeia logística. É praticamente impossível ter excelência sem o uso de ferramentas tecnológicas aplicáveis à gestão de estoques, armazéns, pátios, transportes etc.

Entre os benefícios e possibilidades da tecnologia estão:

  • Análise preditiva com detalhamento sobre tendências, vendas, sazonalidade, comportamento do consumidor etc.
  • Otimização de estoque para evitar rupturas e manter a disponibilidade de produtos.
  • Simulações, modelagem de cenários de demanda e identificação de gargalos na operação logística.
  • Gerenciamento de estoque e armazém com um sistema como o WMS, que otimiza processos de recebimento, armazenagem, organização e expedição dos produtos.
  • Rastreabilidade das mercadorias dentro do armazém, acompanhamento do status dos pedidos, visibilidade ampla da cadeia logística e identificação de problemas.
  • Automatização de tarefas repetitivas como embalagem, paletização e movimentação de cargas
  • Melhoria da produtividade, redução de erros e controle de custos.
  • Roteirização e otimização de entregas, considerando fatores como tempo de viagem, distância, tráfego e restrições de veículos.
  • Monitoramento da frota em tempo real, identificação do status de cada veículo, rastreamento das cargas e identificação de possíveis atrasos.
  • Redução da sinistralidade (acidentes, danos e avarias à carga, roubos etc.).
  • Automatização dos processos de recebimento, processamento e envio de pedidos por meio de sistemas de gestão de pedidos.
  • Criação de canais de comunicação omnichannel.
  • Chatbots e Inteligência Artificial para facilitar a comunicação com os clientes, responder perguntas frequentes, fornecer informações sobre produtos e auxiliar na resolução de problemas.
  • Gestão da frota, acompanhamento dos planos de manutenção preventiva, checklist veicular, controle do consumo de combustível e uso de pneus, gastos com pedágio, conferência da quilometragem percorrida, tempo de parada etc.
  • Monitoramento do comportamento do motorista, como velocidade, desvios de rota, frenagens bruscas, parada em locais perigosos e atos inseguros.
  • Automatização do processo de movimentação, armazenagem e controle de estoque, autorização e controle de acesso e movimentação dos veículos dentro do pátio com sistemas como o YMS.
  • Gerenciamento de risco e gestão de crises por meio de planos bem estruturados que permitem respostas rápidas e eficazes a qualquer problema durante a operação logística.

Conclusão

A tecnologia desempenha um papel fundamental em todas as etapas da cadeia logística e não seria diferente no Dia das Mães.

Ao fazer o planejamento estratégico e investir em soluções modernas e integradas, as empresas têm amplas condições de atender à alta demanda das datas comerciais, otimizar as operações, melhorar a segurança, reduzir custos e, principalmente, garantir clientes satisfeitos.

Além disso, o setor precisa apostar na colaboração logística, no compartilhamento de ativos, em treinamento e em uma forte cultura de inovação se quiser garantir a eficiência e a agilidade das entregas no Dia das Mães.

A nstech é a maior empresa de software para supply chain da América Latina e tem soluções inovadoras para tudo isso: da gestão de armazéns, pátios e transportes à melhoria da segurança, automação de processos e upgrade na performance logística.

O Dia das Mães é uma oportunidade de ouro e se você quer melhorar a eficiência e a visibilidade da sua operação. Fale agora com um especialista  da nstech.

A eficiência que sua operação precisa

Conheça centenas de soluções que garantem eficiência, rentabilidade, segurança e sustentabilidade.